Crescimento do PIB de 0,6% no 1o TRIM: isso é uma piada!

Já havia alertado neste blog (PIB no Brasil: o gato subiu no telhado) sobre a continua revisão para baixo das expectativas de crescimento do PIB para este ano. Mas o dado divulgado pelo IBGE hoje de crescimento no trimestre de apenas 0,6% ante o último trimestre de 2012 foi muito pior do que o consenso médio do mercado esperava (crescimento de 0,9%). Assim, a turma que faz projeção está trabalhando duro hoje rodando os modelos e o BACEN terá uma decisão difícil pata tomar mais tarde. 

Mas o relatório que acabo de receber do Credit Suisse, que estimava um crescimento do PIB de 4% para este ano, já descarta tal possibilidade. O banco, que no ano passado foi um dos primeiros a apontar o baixo crescimento, escreve hoje no relatório para seus clientes que:

The 1Q13 figures show that the economy is not accelerating as much as we would expected, in view of the government stimulus measures implemented in the last few quarters. Thus, GDP growth in 2013 might be much lower than we had previously forecasted. The 1Q13 GDP result and its breakdown increase the probability of GDP growth below 3.0% this year. For instance, GDP growth of 0.5% qoq in the next three quarters would lead to GDP growth of around 2.0% this year, while a 1.0% qoq growth throughout the year would result in GDP growth of 3.0% in 2013.”

Apostar agora em crescimento do PIB de 3% para 2013 passou a ser ser projeção otimista. E olha que mesmo os pessimistas do mercado achavam há 3 meses que crescer 3% (ou um pouco mais) seria possível. Agora, todo mundo vai namorar com um número por volta de 2,5% (pode ser um pouco acima ou um pouco abaixo) e rezar para que o cenário não fique ainda pior.

E tem como piorar? claro que tem. A recuperação dos EUA com a valorização do dólar pressiona a taxa de câmbio e põe mais fogo na inflação, a deterioração do saldo da balança comercial foi muito rápida e tem gente no mercado que já fala de superávit da balança comercial de apenas US$ 4 bilhões este ano (ante US$ 19,4 bilhões, em 2012, que já havia sido o pior resultado em 10 anos), e muita gente começou a rever para cima projeção de inflação. O economista Affonso Celso Pastore no seu último relatório já estima que a taxa de inflação este ano pode bater em 6,1% e 6,5% no próximo.

Há mais tem a notícia boa do investimento? Bom, se você for otimista e acreditar vai ocorrer um boom de investimento então você tem que piorar ainda mais o seu cenário de inflação e o cenário de déficit em conta corrente. O mais provável é que o investimento cresça um pouco este ano e menos (ou a mesma coisa se este ano for muito ruim) no ano que vem.

Em resumo, o cenário de crescimento baixo e inflação elevada está cada vez mais se consolidando. E os sinais que vem da Esplanada dos Ministérios são os piores possíveis. Hoje, até os bons técnicos do Ministério da Fazenda estão mudos e alguns  fizeram voto temporário de silêncio não por questões religiosas, mas para não mostrarem as discordâncias com os seus superiores.

5 pensamentos sobre “Crescimento do PIB de 0,6% no 1o TRIM: isso é uma piada!

  1. A praxis Socialista, sistematicamente posta em prática nestas plagas vai aniquilar com qualquer vestígio de Capitalismo no Brasil.

  2. Infelizmente alguns prognósticos vem se confirmando e podemos ver a volta da inflação com baixo crescimento.Tudo isso por conta da politica econômica populista e o ranço estatista do partido no poder.
    Pena que sofrerão todos brasileiros, que vê o governo dar com uma mão e tirar com outra (inflação)

Os comentários estão desativados.